clicRBS
Nova busca - outros

Notícias

Eventos  | 18/06/2009 08h10min

Rede social brasileira quer quebrar monólogo das marcas

Entrevista com Salomão Casas, cofundador do site de relacionamentos Drimio

Guilherme Neves  |  guilherme.neves@rbsonline.com.br

Um dos cases do Fórum Internacional do Software Livre (fisl10) deste ano será a rede social Drimio. Trata-se de um site de relacionamentos voltado para marcas, em que cada internauta, inclusive os detentores das marcas, é convidado a partilhar conteúdos com outros usuários, e até colaborar com a construção da imagem de um produto.

– A gente não aceita mais que só as marcas falem. Eu, como consumidor, quero contribuir, ajudar, colaborar, fazer parte dessa co-criação da marca – enfatiza Salomão Casas, um dos cocriadores.

Elton Minetto, diretor de desenvolvimento do Drimio, falará sobre como desenvolver aplicações web escaláveis, no dia 27 de junho, às 12h.

A palestra pretende abordar as vantagens e benefícios do desenvolvimento das aplicações web escaláveis, suas plataformas, banco de dados e características de desenvolvimento, usando como base o caso de sucesso Drimio.

Entrevistamos Casas, do Drimio, cujos usuários tem sido chamados de dreamers, para saber mais sobre a rede. Confira, abaixo, a entrevista.

clicRBS – De onde partiu a ideia para criar a Drimio?

Salomão Casas - Desde quando você acorda de manhã, você acorda com alguma marca. O celular que acorda você é uma marca. Você passa o dia inteiro se relacionando com as marcas. Nós pensamos em criar um ambiente onde as pessoas possam se relacionar umas com as outras em torno de marcas. E a gente não aceita mais um monólogo das marcas, que só as marcas falem. Eu, como consumidor, quero contribuir, ajudar, colaborar, fazer parte dessa co-criação da marca.

clicRBS – Já há alguma empresa presente na rede social corporativamente?

Casas – Neste momento inicial o nosso foco é o usuário. Existe a intenção de que as marcas vejam na Drimio uma oportunidade de se aproximar dos usuários, mas sempre como um participante. Não queremos que a marca tome conta do espaço. O objetivo é que a marca colabore com as pessoas que lá estão.

clicRBS – Fãs de marcas costumam criar comunidades sobre elas em outros sites de relacionamento. Uma rede especificamente para elas não estaria lutando por um espaço já ocupado?

Casas – Nossa proposta é as pessoas se relacionarem em torno de marcas, um posicionamento que não se visualiza em outras redes. Além disso, a ideia do Drimio é ser uma central de conteúdos da marca, onde se pode colocar qualquer ponto de presença da marca em qualquer outro lugar que ela esteja, no Orkut, por exemplo, ou em qualquer outra rede social. Nossa propostas é ser uma central de conteúdos da marca dentro da rede.

clicRBS – Os espaços sobre as marcas é moderado por usuários, como são muitas das comunidades em outras redes?

Casas – Quando alguém cria um espaço para uma marca, ele não se torna o moderador daquele espaço. Este usuário está apenas colaborando para a criação de uma comunidade para a marca. Ele contribui para a rede. Outros usuários podem publicar conteúdos nas comunidades, mesmo que não tenham criado elas.

clicRBS – E quanto a conteúdos ofensivos?

Casas – Todos os conteúdos têm um mecanismo de denúncia que será avaliado por editores de gestão. Isso ocorre em todos os pontos da rede.

clicRBS – Até onde o Drimio quer ir?

Casas – Nós queremos tornar a Drimio um grande hub de marcas, um ponto de referência para os usuários encontrarem informações, com a participação dos fabricantes dos produtos. Existe um percurso pela frente, mas o retorno tem sido muito positivo.

CLICRBS
 
SHOPPING
  • Sem registros
Compare ofertas de produtos na Internet

Grupo RBS  Dúvidas Frequentes | Fale Conosco | Anuncie | Trabalhe no Grupo RBS - © 2019 clicRBS.com.br • Todos os direitos reservados.