clicRBS
Nova busca - outros

Notícias

 | 02/05/2008 11h48min

Seus gastos com moda e beleza cabem no orçamento?

Especialistas recomendam elaborar relatório das despesas

Você sabe quanto do seu salário é gasto mensalmente com serviços e produtos de moda e beleza? Manter uma boa aparência não é tarefa fácil nem barata. Muitas mulheres chegam a gastar metade da renda indo a clínicas de estética, manicure, pedicure, depilação, cabeleireiro, academia. A lista inclui ainda as tentadoras visitas a lojas de roupas, acessórios e produtos de beleza.

Mas de nada adianta comprar cremes caríssimos para o rosto se no fim do mês a conta no vermelho faz aumentar as rugas de preocupação. Economizar sem abrir mão de cuidados pessoais não é tão complicado assim, dizem especialistas. 

– Se você quer cortar só as pontas do cabelo, não há necessidade de ir a um salão de luxo. O dinheiro economizado no corte pode ser investido, por exemplo, num bom produto para amaciar – exemplifica o professor Marcos Crivelaro, da Faculdade de Informática e Administração Paulista e da Faculdade Módulo.

Fazer um relatório de despesas mensais é um primeiro passo para saber para onde seu dinheiro está indo. Segundo a consultora de finanças Myrian Lund, professora da Fundação Getúlio Vargas (FGV-Rio) e da Andima, a quantia destinada às despesas pessoais varia de acordo com o tamanho da renda, mas não deve ultrapassar 10% do salário.

– Já é da natureza das mulheres gastar com serviços e produtos de moda e beleza. Mas é preciso ter consciência de que aquilo é realmente importante e não vai comprometer o orçamento no fim do mês. Se o salário é de mil reais por mês, seria ideal reservar até R$ 100 para gastos com moda e beleza – sugere a especialista.

A média nacional, porém, é um pouco maior. Segundo o estudo Brasil em Foco, da empresa especializada em pesquisa de mercado Target Marketing, as despesas com moda (roupas, sapatos e acessórios), higiene, cuidados pessoais e clínicas e salões de beleza chegaram a R$ 106,6 bilhões em 2007, o que equivale a 13% da renda dos brasileiros.

– Os cálculos revelam um gasto médio por ano de R$ 683,73 por habitante. Na classe A1, este valor per capita anual é de R$ 3 mil; na classe B1, R$ 1.476; na C, R$ 492; na D, R$ 251; e na E, R$ 125. Se analisarmos os gastos das mulheres, os valores são bem maiores – diz Marcos Pazzini, diretor da Target Marketing e responsável pelos dados da pesquisa.

– Quando a mulher faz as contas do que gasta em moda e beleza, muitas vezes percebe que pequenos detalhes acabam sendo os maiores motivos do rombo no orçamento no final de mês. Ela deve fazer uma análise do que pode ser eliminado, substituído ou reduzido – diz o professor Marcos Crivelaro.

Para entender as práticas de consumo das mulheres, ele fez uma pesquisa com alunas de dez turmas da Faculdade de Informática e Administração Paulista e da Faculdade Módulo. Depois das entrevistas, montou uma lista de sugestões para mulheres de classe média, com salário acima de R$ 2 mil. Veja a seguir:

Gastos com a vaidade
Moda
Os gastos excessivos com roupas, calçados e acessórios são, na maioria dos casos, os vilões dos problemas financeiros femininos. Não esqueça de comparar marcas, produtos e preços - a diferença geralmente é muito grande. Cuidado também nas liquidações, pois não adianta justificar a compra porque o produto é barato se realmente não necessitar dele.

Para evitar um rombo no orçamento por conta da ansiedade, principalmente quando a escolha for um produto da moda, a dica é listar as peças que realmente faltam no seu armário, de acordo com a época do ano, e adquirir a cada troca de estação apenas o que constar nessa relação. Preste atenção na qualidade do que está levando para não ter mais prejuízos no final.

Gasto médio estimado: de R$ 50 a R$ 200 mensais.
Banho e maquiagem
Na hora do banho, nem sempre produto bom é produto caro. É essencial relacionar produtos de uso diário, como xampus, condicionadores e cremes. Sem esquecer batom, esmalte, creme facial, loção pós-banho, desodorante e perfume. Esta é uma parte dos gastos da mulher moderna onde é possível economizar sem se privar destes cuidados.

Avaliar a durabilidade, a utilidade e os benefícios de cada produto são medidas que devem ser sempre levadas em conta. Uma simples análise das reais necessidades e custo de tais produtos essenciais de beleza pode levar a uma grande economia.

Gasto médio estimado: de R$ 150 a R$ 250 mensais.
Salão de Beleza
Tendo por base uma rotina semanal de freqüentar a manicure e quinzenalmente a pedicure e a depilação, somando-se mensalmente corte e tintura/luzes, a conta total no fim do mês é capaz de deixar muitas mulheres de cabelo em pé.

Avalie a escolha do local e do serviço: se você vai cortar só as pontas, não há necessidade de ir a um salão de luxo. Outra dica é reunir as amigas e fazer um "day spa" em casa. Enquanto uma cuida das unhas, outra pode fazer a escova no cabelo e todas economizam.

Gasto médio estimado: de R$ 100 a R$ 450 mensais.
Fonte: Agência Globo
Academia
Praticar esportes e exercitar o corpo é essencial à saúde. Para manter o equilíbrio do corpo e do bolso, porém, é essencial saber avaliar os pacotes de atividades oferecidos pelas academias e o custo real de cada uma delas, evitando uma decisão impulsiva. Muitas vezes, a mulher moderna não tem tempo para freqüentar todas as aulas "inclusas" no pacote escolhido. Uma opção é apostar em pacotes básicos e freqüentar de forma experimental algumas opções de aula antes de efetuar a matrícula.

Outro ponto importante é lembrar que um contrato semestral, apesar das vantagens, pode acabar se transformando em peso morto no orçamento. Independentemente da análise das atividades a serem escolhidas, é essencial buscar alternativas antes de optar por uma academia. Nem sempre a mais famosa oferece as melhores opções de pacotes e aulas para o seu perfil e as diferenças de mensalidades de um local para outro de mesma qualidade podem ser surpreendentes. Não esqueça de levar em conta a variedade de aulas disponíveis em todos os horários e as condições dos equipamentos.

Gasto médio estimado: de R$ 120 a R$ 500 mensais.
Divulgação / 

Idas às compras deve ser planejada, não impulsiva
Foto:  Divulgação


Veja mais em Moda e Estilo
Comente esta matéria

Notícias Relacionadas

27/04/2008 07h10min
O Maxipull é mini
19/04/2008 11h13min
Como esquentar um inverno
18/04/2008 13h41min
Anos 1970 ditam moda outono/inverno
16/04/2008 14h53min
Busque um remédio para suas dívidas
16/04/2008 14h47min
Não seja analfabeta nas finanças!
 
SHOPPING
  • Sem registros
Compare ofertas de produtos na Internet

Grupo RBS  Dúvidas Frequentes | Fale Conosco | Anuncie | Trabalhe no Grupo RBS - © 2022 clicRBS.com.br • Todos os direitos reservados.