clicRBS
Nova busca - outros

Indicadores Econômicos

Página inicial > Glossário

Glossário

B

Backup
Cópia de segurança.
Balance transfer
É a transferência do saldo da dívida de um cartão para outro. O cartão novo liquida a dívida do outro cartão, sendo a dívida refinanciada com uma taxa mais baixa.
Balanceados
Estão neste segmento os fundos regulamentados pelo Banco Central ou pela Comissão de Valores Mobiliário (CVM) que buscam retorno no longo prazo através de investimento em diversas classes de ativos (renda fixa, ações e câmbio, por exemplo).
Balancete
Balanço parcial da situação econômica e do estado patrimonial de uma empresa, referente a um período de seu exercício social.
Balanço
Demonstrativo contábil que apresenta, num dado momento, a situação do patrimônio da entidade pública.
Bancassurance
Cooperação entre uma seguradora e um banco, que pode apresentar-se de diversas formas, tais como: relação de propriedade, utilização do balcão para venda, intercâmbio de atividades e outras.
Banco Central do Brasil
Órgão federal que executa a política monetária do governo, administra as reservas internacionais do país e fiscaliza o Sistema Financeira Nacional.
Bandeira
É a instituição que autoriza o emissor a gerar cartões com sua marca e que coloca estabelecimentos do mundo inteiro à disposição do portador para utilização deste cartão.
Base de cálculo
1 - Grandeza econômica ou numérica sobre a qual se aplica a alíquota para obter o %22quantum%22 do imposto.
2 - Valor que se deve tomar como ponto de partida imediato para o cálculo das alíquotas do imposto com o fim de individualizá-lo em cada caso.
3 - Limite preestabelecido de uma grandeza econômica ou numérica sobre a qual se aplica a alíquota para obter o %22quantum%22 a pagar ou a receber.
Base monetária
É o passivo monetário do Banco Central, também conhecido como emissão primária de moeda. Inclui o total de cédulas e moedas em circulação e os recursos da conta "Reservas bancárias". É a principal variável de política monetária, refletindo o resultado líquido de todas as operações ativas e passivas do Banco Central. Fatores condicionantes: refere-se às fontes de criação (emissão de moeda pelo Banco Central) ou destruição (recolhimento de moeda pelo Banco Central) de moeda primária (base monetária). Toda operação/intervenção do Banco Central que resulta em entrega de papel-moeda e/ou crédito em contas de "Reservas bancárias" significa expansão monetária (criação de moeda) e é apresentada com sinal positivo. Ao contrário, toda operação/intervenção do Banco Central que resulta em recebimento e/ou débito em contas de "Reservas bancárias" significa contração monetária e é apresentada com sinal negativo. Deve-se ressaltar a diferença entre fabricação e emissão de moeda: a fabricação é um processo fabril de cédulas e moedas e a emissão é um processo econômico que resulta em crescimento da oferta monetária, tanto física (cédulas e moedas) quanto escritural (Reservas bancárias).
Base monetária ampliada
O conceito amplo de base monetária foi introduzido no Plano Real com o pressuposto de que agregados mais amplos sejam melhor correlacionados com os preços na economia brasileira, visto que mais perfeitamente captam a substitutibilidade entre a moeda, em seu conceito mais restrito, e os demais ativos financeiros. Inclui, além da base restrita, os principais passivos do Banco Central e do Tesouro Nacional (compulsórios e títulos federais).
Bater
Gíria orçamentária que significa a coincidência entre valores ou programações apuradas através de levantamentos diferentes. Exemplo: As informações enviadas pelo ministério "batem" com as do balanço.
BBC
Bônus do Banco Central do Brasil (BBC). Título de responsabilidade do Banco Central do Brasil, emitido para fins de política monetária, exclusivamente sob a forma escritural, no Sistema Especial de Liquidação e de Custódia (Selic). Título de rentabilidade prefixada ou de rentabilidade pós-fixada definida pela taxa Selic. Lei no 4.595, de 31/12/64, art. 11, inciso V.
Benchmarking
É um processo gerencial para avaliar, medir e comparar produtos, serviços, processos e funções de empresas identificadas como "melhores da classe" com a finalidade de melhorar a organização, a comparação com os concorrentes. Além disso, visa a desenvolver objetivos, produtos e processos, e também estabelecer prioridades e metas. A idéia básica é de que, ainda que não haja um modelo ideal a ser seguido, existem muitas empresas excelentes com as quais se pode aprender coisa relevante.
Beneficiário
Pessoa física ou jurídica a quem o segurado reconhece o direito de receber a quantia correspondente a determinada indenização derivada da apólice do seguro. Em princípio, o segurado é o beneficiário do seguro, mas também há casos em que ele indica um beneficiário (plano de previdência privada e seguros de vida), onde o risco coberto é a morte do próprio segurado.
Benefícios
Dividendos, bonificações e/ou direitos de subscrição distribuídos, por uma empresa, a seus acionistas.
Beta
Medida do risco de um determinado ativo, que mede a sensibilidade dele em relação a determinado índice. Por exemplo, se uma ação se comporta exatamente como o Ibovespa, dizemos que ela tem beta = 1. Se a ação variar mais que o Ibovespa, mas no mesmo sentido, ela terá beta > 1 (beta maior do que um). Se variar menos, mantendo o mesmo sentido, o beta será menor do que um (beta < 1).
BID
Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Órgão internacional de ajuda a países subdesenvolvidos e em desenvolvimento na América Latina.
Bilhete de seguro
Documento jurídico, emitido pelo segurador, que substitui a apólice de seguro. Foi criado com o objetivo de facilitar a contratação do seguro, dispensando o preenchimento da proposta.
Bird
Banco Mundial (Bird). Órgão internacional de ajuda a países subdesenvolvidos e em desenvolvimento no mundo. Também conhecido como Banco Mundial, o Bird foi criado logo após a Segunda Guerra Mundial para a ajudar a Europa Oriental.
Bitributação
Ocorrência de dois tributos sobre a mesma base de cálculo.
Block-trade
Leilão de grande lote de ações nas bolsas de valores.
Bloco econômico
De acordo com os critérios definidos pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex) e seguindo a constituição de regiões econômicas e de continentes, os países são agrupados por blocos econômicos.
Blog ou weblog
É um registro publicado na Internet organizado cronologicamente (como um histórico ou diário virtual).
Bloqueio de posição
Operação através da qual um aplicador impede o exercício de sua posição mediante a compra, em pregão, de uma opção da mesma série da anteriormente lançada.
Blue chip
Em geral, ações de empresas tradicionais e de grande porte, com grande liquidez e procura no mercado de ações.
Bluetooth
Tecnologia de transmissão de dados sem fios de curto alcance.
BNDES
Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Órgão governamental ao qual compete a implementação de políticas de investimentos empresariais de longo prazo.
Bolsa de Mercadorias e Futuros
Uma das maiores bolsas de futuros do mundo, a lider é a Bolsa de Chicago (Chicago Mercantil Exchange). O princípio desse mercado é o produtor vender contratos de sua mercadoria para entrega futura ao consumidor, garantido assim tanto ao produtor como para o consumidor o preço da mercadoria, podendo planejar suas atividades evitando surpresas.
Bolsa de valores
A primeira bolsa de valores surgiu no século 14 devido à força do comércio e das necessidades de capital por parte das empresas e governos. A Bélgica foi a pioneira com a Bolsa de Brugues, em 1309. Em 1792 a Bolsa de Nova York foi idealizada por um grupo de 24 empresários do comércio e das finanças, que organizaram o mercado de investimentos norte-americano. Somente em 1817 é que foi fundada o que é hoje a maior bolsa de valores do mundo. Em 1845 foi criada a Bolsa de Valores do Rio de Janeiro, incorporada em 2000 pela Bovespa. esta foi criada em 1890.
Bolsa em alta
Quando o índice de fechamento de determinado pregão é superior ao índice de fechamento anterior.
Bolsa em baixa
Quando o índice de fechamento de determinado pregão é inferior ao índice de fechamento anterior.
Bolsa estável
Quando o índice de fechamento de determinado pregão está no mesmo nível do índice de fechamento anterior.
Bonificação em ações
Ações emitidas por uma empresa em decorrência de aumento de capital, realizado por incorporação de reservas e/ou de outros recursos, e distribuídas gratuitamente aos acionistas, na proporção da quantidade de ações que já possuem.
Bonificação em dinheiro
Distribuição aos acionistas, além dos dividendos, de valor em dinheiro referente a reservas até então não incorporadas.
Bônus de subscrição
Título negociável que dá direito à subscrição de novas ações, emitido por uma empresa, dentro do limite de aumento de capital autorizado em seu estatuto.
Boom
Fase no mercado de ações em que o volume de transações ultrapassa, acentuadamente, os níveis médios em determinado período, com expressivo aumento das cotações.
Bradies
Títulos que foram emitidos a partir de 1994 por países emergentes para a renegociação de suas respectivas dívidas externas. O nome "brady" vem de Nicholas Brady, secretário do Tesouro americano e idealizador desse processo.
BTN
Bônus do Tesouro Nacional (BTN). Este título não existe mais. O governo emitia as BTNs para captar recursos no mercado financeiro visando à execução e ao financiamento das suas dívidas.
Bug
Falha em um programa de computador que o impede de funcionar como esperado.
B2B
Business-to-business (B2B). Comércio eletrônico entre empresas.
B2C
Business-to-consumer (B2C). Comércio eletrônico para o consumidor.
Grupo RBS