clicRBS
Nova busca - outros

101 OPÇÕES PARA O VERÃO

Ideias não podem faltar para curtir muito o verão que está começando. Então, a gente reuniu várias, em todas as regiões de SC. Exatamente 101. Marque as que experimentou e faça o check list de quantas mais terá conhecido quando a estação terminar.

Oeste e Meio-Oeste

(Sirli Freitas/Agencia RBS)

1) Em Chapecó, faça a Trilha do Pitoco, com cinco cachoeiras. São cinco quilômetros de caminhada. A água é gelada, mas vale mergulhar.
2) Passe um dia em Águas de Chapecó,num dos complexos de águas termais. Tem também em São Carlos e Pratas, todas com infraestrutura para comer e relaxar.
3) Itá, no Oeste de SC, tem que estar no seu roteiro. Além do lago da represa, tem passeio de barco e uma grande tirolesa.
4) Em Tangará, no Meio Oeste, vá à Vinícola Panceri onde fica o único museu de vitivinicultura do Estado.
5) Passeie de Maria Fumaça. O trem tem uma atmosfera mágica. O trajeto de 25 quilômetros, em Piratuba, dura 4 horas e meia, numa viagem que termina no RS.

Serra catarinense

6) Visite as vinícolas de São Joaquim (Villa Francioni e Sanjo).
7) Acampe, pesque, mergulhe, ande de lancha ou jet sky no Salto do Rio Caveiras, em Lages.
8) Passe um dia nas piscinas e tobogãs do parque aquático Cascata Ilha Bela, em Otacílio Costa.
9) Faça uma cavalgada pelos campos nativos, caminhos das tropas e corredores de taipas da região da Coxilha Rica, em Lages.
10) Curta um fim de semana em Urubici, onde é possível visitar cavernas, conhecer um paredão de rocha com inscrições rupestres e fazer trilhas bacanas como a da Pedra Furada e da nascente do Rio Pelotas e do Rio Sete Quedas por dentro da água.

(Vani Boza/Agencia RBS)

Norte e Litoral-Norte

(Charles Guerra/Agencia RBS)

11) Faça um passeio de Maria Fumaça, saindo de Rio Negrinho.
12) Em São Bento do Sul, grite e seja feliz no parque de arvorismo em uma das maiores tirolesas do país.
13) Passe um dia no Parque Malwee, em Jaraguá do Sul. Aproveite o passeio e coma em um dos
três restaurantes. Há também cervejas especiais.
14) No parque, gaste o tempo no museu de cédulas e com peças como celulares dos anos 1990.
15) Visite o Zoológico de Pomerode, o mais antigo de SC. Na volta, pare e coma na Torten Paradies.
16) Vá às cachoeiras de Corupá. Suba sem pressa, com fôlego. Feche os olhos e viaje com o barulho das 14 quedas d?água.

17) Pare no Posto Sinuelo e visite a réplica de Nau portuguesa depois de comer um sanduíche de pão com mignon e queijo.
18) Visite, a pé, o Centro Histórico de São Francisco do Sul.
19) Pegue o barco de linha que vai de São Francisco a Vigorelli.
20) Itapema do Norte, em Itapoá, tem águas até calmas e, pela manhã, um mercado na praia para comprar peixe fresquinho.
21) Pire na Green Valley, uma das melhores baladas do mundo.
22) Passeie a pé pela Avenida Atlântica, em Balneário Camboriú, tomando um sorvete, olhando gente bonita e carrões.

23) Pule ou veja os saltos da ponte no rio entre Piçarras e Penha. Depois, curta a vista no molhe.
24) Perca o fôlego no visual da rampa de salto de parapente da Praia Vermelha, em Penha.
25) Experimente as mais de cem panquecas do alemão no Tudo Ales Blau, em Barra Velha.
26) Quer pescar? Vá e aproveite os quilômetros de praia do Ervino, em São Francisco do Sul.
27) Passeie de caiaque na Lagoa Maria Fernanda, em Barra do Sul.
28) Prove a caipirinha de maçã e uva verdes no Mundo Selvagem, em Balneário Camboriú.
29) Percorra a região de Bombinhas sem pressa. Vai ser difícil encontrar um restaurante ruim.
30) Caminhe e conecte-se no calçadão de Itapema, que tem Wi-fi.

Sul

31) Tome um banho de água termal em um parque de Gravatal.
32) Em São Martinho, curta o caminho cheio de cachoeiras. Termine a viagem na Floos Haus e saia rolando de tanto comer no café colonial.
33) Corra nas dunas em Morro dos Conventos. Tire fotos lá de cima.
34) Observe os golfinhos no canal dos molhes da barra, em Laguna.
35) Tire o sal e o estresse do corpo no chuveirão de Jaguaruna.
36) Praias lindas e boas pousadas não faltam no ambiente rústico de Garopaba.
37) Tome um banho de mar ou na Lagoa em Ibiraquera, Imbituba.
38) Um final de semana nas trilhas nos cânions, em Praia Grande, vai ser cansativo, mas absolutamente reenergizante.
39) Em Laguna, gaste ao menos um dia no Farol de Santa Marta.
40) Atravesse a balsa pelo canal da Lagoa Santo Antonio, em Laguna.

(Reprodução/Revista de Verão)

Grande Florianópolis

(divulgação/divulgação)

41) Passe um dia em Governador Celso Ramos, perca-se nas estradinhas até chegar à minipraia do Antenor.
42) Ainda ali, em vez de restaurantes, engane a fome em uma das padarias, com doces com gosto de infância.
43) Encare rafting e escalada em Santo Amaro da Imperatriz.
44) Lá, aproveite para tomar um banho de banheira nas águas termais.
45) Depois da praia, vá direto para o Espetinho de Ouro, um dos Boka?s ou na Cantina Zabot, em São José, comer camarão até explodir.
46) Em São José, tem samba, MPB, no Café da Corte. Para acompanhar, cerveja e o prato Velha Guarda: linguiça campeira flambada na cachaça!
47) Não dá para ir a Palhoça e não conhecer a Pinheira, a Guarda do Embaú e a Ponta do Papagaio.
48) Vá ao parque Estadual Serra do Tabuleiro, em Palhoça.
49) Pedras Altas, em Palhoça, é opção para nudistas ou naturistas.
50) Reúna família ou amigos do trabalho e vá ao Ecopark, em Antônio Carlos. Tem de paintball a tirolesa. Pode ser a chance de atirar no chefe ou em um parente mala.

Florianópolis

51) Acorde cedinho, vá jogar vôlei em Jurerê Internacional. Tome uma cervejinha (pode ser sem álcool) e dê aquele mergulho.
52) Na volta, para matar a fome, coma um coquille de camarão com anchova frita e pirão no restaurante Pitangueiras, em Sambaqui.
53) O Centro segue encantador. Mercado com chope, caldo de cana, petiscos e risada. Praça XV, Centro histórico. Tenha olhar de turista, mesmo vivendo na cidade.
54) Curta um pôr-do-sol em Santo Antônio de Lisboa.
55) Mergulhe nas águas cristalinas da Ilha no Campeche.
56) Aproveite até o fim a muvuca noturna em um dos cerca de 30 bares da Lagoa da Conceição.

(Diego Vara/Agencia RBS)

57) Coma mariscos e ostras, de preferência no Ribeirão da Ilha, onde há fazendas de cultivo.
58) Encare manobras destrambelhadas no sandboard. Depois, mergulhe na água gelada da Joaquina.
59) Tome um açaí no centrinho da Lagoa para recarregar as energias.
60) Vá à avenida Beira-mar num domingo à tarde. Tem feirinha, caldo de cana, pastel e tapioca.
61) Por lá, caminhe ou ande de patins, skate ou bike.
62) Com um pouco mais grana, vale o passeio até a ilha de Anhatomirim e a Baía dos Golfinhos.
Mergulhe nas paradas da scuna.
63) Jante com os amigos no mexicano Guacamole e tome uma dose de tequila dos tequileiros.

64) Pelas dunas, vá dos Ingleses ao Santinho. O visual é lindo.
65) Salte de parapente no Morro da Lagoa. Se não der para saltar, vale a caminhada com trilha até a rampa. É um visual incrível.
66) Faça uma das mais de 100 trilhas da Ilha. A da Lagoinha é batida, mas imperdível.
67) Vá devagar no caminho até a Caieira da Barra do Sul. Encare a pequena trilha de Naufragados e tome um ventão Sul na cara.
68) Na Barra da Lagoa, atravesse a pontezinha e tome uma cerveja de garrafa a R$ 3,50.
69) Passe pelo menos uma hora no Caldeirão, canto esquerdo da Armação. De lá, relaxe com o visual sem quiosque ou ambulantes.
70) Na volta, mande ver uma água de coco e pamonha com queijo.

Em qualquer lugar...

71) Deixe iPads, iPhones e afins em casa pelo menos um dia. Ajuda a desacelerar.
72) Ria até doer a barriga lembrando de histórias de outros verões.
73) Tire mais fotos. Poste nas redes sociais só para fazer inveja aos seus amigos.
74) Seja o motorista da rodada, ao menos uma vez.
75) Vá à praia, represa ou lagoa em uma noite estrelada. Relaxe com o silêncio.
76) Faça um luau com os amigos. Chame também os amigos dos amigos para a festa.
77) Prepare um café da manhã com calma e chame pessoas queridas para celebrar. Se tiver quintal, fica melhor ainda.
78) Passe um dia inteiro na praia, até anoitecer, com uma única preocupação: não sair um camarão.
79) Coma um milho verde e tome um picolé logo depois. Em casa, vale panelaço de milho e picolés baratos, daqueles com carro de alto-falante.
80) Pegue um jacaré e tente não levar um caldo.
81) Não fale de trabalho nem de estudos por pelo menos dois dias seguidos.
82) Leia pelo menos um livro.
83) Pratique e divirta-se com o portunhol e o inglês etílicos.
84) Faça amor num lugar em que você nunca fez. Só não seja preso por ousar demais.
85) Abraçe, todos os dias, alguém que você gosta muito.
86) Se você é solteiro(a), beije alguém que você nunca beijou.
87) Se tem namorado ou é casado, tire um dia inteiro só para vocês. Não ouse ter uma DR.

88) Saia de casa mais cedo pra não pegar fila nem praia sem lugar.
89) Corra pra rua e tome um banho de chuva de verão quando aquela tempestade cair. Mas não
vá pro mar, só por precaução.
90) Comece um novo esporte. Comprometa-se a continuar, pelo menos, até o fim do verão.
91) Experimente uma bebida e um prato com nome criativo.
92) Vá a pelo menos cinco praias diferentes. Mude o caminho, saia da sua rotina.
93) De óculos escuros, dê uma olhada civilizada para o bonitão/bonitona passando na areia. Faz bem para os dois.
94) Solte a franga e dance o hit Danza Kuduro, de Don Omar, em público.
95) Crie coragem e saia na rua usando o tal do look color block, que mistura tons como roxo e
verde limão.
96) Tente um bar em que você nunca entraria, porque parece muito bom ou muito ruim.
97) Teste o equilíbrio no slackline e experimente a sensação de andar na corda bamba.
98) Junte os amigos e corra de kart. A corrida vai durar 15 minutos. A zoação, pelo menos três dias.
99) Faça amizade com um vendedor de coco ou drinks. E não faça cara feia para os de rede. Eles estão trabalhando enquanto você descansa.
100) Jogue um Brasil x Argentina na areia, em qualquer esporte.
101) Use filtro solar.

Grupo RBS Dúvidas Frequentes | Fale Conosco | Anuncie | Trabalhe no Grupo RBS - © 2011 clicRBS.com.br • Todos os direitos reservados.