clicRBS
Nova busca - outros

Notícias

Transportes  | 07/05/2011 10h10min

Projeto empresta bicicletas de graça no campus da USP

Programa Pedalusp permite que usuários do campus utilizem as bikes por até 20 minutos

Siga o @zhnossomundo no Twitter

Desde quarta-feira, alunos, professores e funcionários da USP podem utilizar o Pedalusp, sistema de empréstimo de bicicletas a usuários do campus. O projeto disponibiliza bikes de maneira gratuita, por um período de 20 minutos.

Desenvolvido por ex-alunos de engenharia mecatrônica, com apoio institucional e financeiro da Coordenadoria do Campus da Capital (Cocesp), o programa está em em fase de testes — que ainda não tem previsão de término. Há postos de empréstimos em dois pontos da Cidade Universitária: o Prédio do Biênio e o Departamento de Engenharia Mecânica, ambos na Escola Politécnica (Poli). O usuário poderá utilizar a bicicleta (com a punição de suspensão do sistema caso haja atraso na devolução), entre 7h e 20h. Para realizar o empréstimo, é preciso fazer o cadastro no site do Pedalusp.

De acordo com Maurício Matsumoto, um dos idealizadores do projeto, a ideia da fase de testes é avaliar a tecnologia e ter a opinião da comunidade universitária em relação ao sistema, para saber o que está funcionando e o que ainda pode melhorar. Outro objetivo é dar visibilidade à iniciativa, para atrair patrocinadores e parceiros. A meta é de que existam 10 postos de empréstimos com 100 bicicletas disponíveis. Para Matsumoto, o Pedalusp pode ajudar a diminuir o número de transportes motorizados dentro do campus, e proporcionar aos usuários a oportunidade de observar as belezas que o campus oferece.

— De bicicleta, você vai aproveitar o seu transporte — disse Matsumoto.

A inspiração para o sistema surgiu após um intercâmbio dos idealizadores à França, onde conheceram e utilizaram a iniciativa das bicicletas compartilhadas.

Há semelhanças e particularidades entre o modelo francês e o implementado na USP. Na França, o sistema é pago; aqui, como foi desenvolvido para ser usado no campus, foi adaptado para permitir a liberação dos empréstimos através das carteirinhas da universidade. Além disso, no projeto francês, as bicicletas são fabricadas especialmente para aquele sistema. No Pedalusp, as bicicletas usadas são convencionais.

Para José Roberto Cardoso, diretor da Poli, esse tipo de ação é um exemplo de algo que a sociedade cobra da engenharia: soluções para energia, sustentabilidade, água e saúde.

Segundo José Sidnei Colombo, coordenador da Cocesp, o Pedalusp é relevante pelo conceito de sustentabilidade que representa. Colombo acredita que essa ideia é um exemplo da tendência do small is beautiful, em que os sistemas estão ficando cada vez menores, mais práticos e eficazes, o que indica uma nova forma de pensamento. De acordo com ele, as pessoas estão se preocupando em fazer com menos, muito mais.

Curta o Nosso Mundo no Facebook

Ernani Coimbra / USP / 

Sistema está em fase de testes
Foto:  Ernani Coimbra / USP


Mais Notícias

Cidades  30/07/2011 09h11min
Curitiba é apontada como referência em design sustentável
Energia Limpa  29/07/2011 15h31min
Governo estimula a criação de projetos de energia alternativa para combater emissões
Economia  29/07/2011 07h12min
Governo apostará em pesquisas voltadas à economia verde
Agricultura  27/07/2011 14h18min
O valor da casca de arroz
Agricultura  27/07/2011 14h17min
Madeira para deques e mobília
Cidades  26/07/2011 07h10min
Por uma boa distribuição de gente
 

Grupo RBS Fale Conosco | Anuncie | Trabalhe no Grupo RBS - © 2011 clicRBS.com.br • Todos os direitos reservados.